Vinhos Grafen Neipperg

Vinhos Grafen Neipperg

O primeiro registro de viticultura na região de Württemberg é do ano de 766, no povoado de Bockingen, próximo a um dos castelos da família dos Condes (Graf) de Neipperg. Os vinhedos se concentravam na região do vale do rio Necker. No final do século XII e início do século XIII, iniciou-se a transferência dos vinhedos da região do vale para as colinas, denominando-se os vinhedos como “neipperger Schlossberg” e “Schwaigerner Ruthe”, cultivados até os dias de hoje. Depois da Guerra dos Trinta Anos, iniciou-se a separação das videiras para produção de vinhos brancos e tintos na região, sendo a maioria das videiras de Neipperg destinadas a vinhos tintos.

A casta Lemberger tem uma história peculiar para esta vinícola. Ela teria sido inserida na Alemanha por um antepassado do Conde de Neipperg, Eberhard Friedrich von Neipperg, primeiro general do Imperador da Áustria. Após lutar contra os turcos, ele teria trazido da Áustria mudas desta casta para seu castelo, no século XVII. Neipperg está entre os melhores produtores de vinhos Lemberger, e, até aproximadamente 50 anos atrás, tal casta era cultivada praticamente apenas em seus territórios.

A produção de todos os vinhos de Neipperg segue sua tradição original, com pouquíssima intervenção nos vinhedos, e uma vinificação que respeita e ressalta as qualidades locais que a natureza ofereceu. O resultado são vinhos de altíssima gama, das castas Pinot Noir, Lemberger (Blaufränkisch) e também Rieslings.

A vinícola do Graf Neipperg é membro do VDP – associação das 200 melhores vinícolas da Alemanha.

O irmão do Graf Neipperg é proprietário da vinícola Château Canon La Gaffelière, Grand Cru Classé de Saint-Emilion, na região de Bordeaux, França.

Desc

5 itens

Ver como Grade Lista
por página
Desc

5 itens

Ver como Grade Lista
por página
To Top